quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Textos da caráter autobiográfico - a presença do "eu"


Os textos autobiográficos apresentam-se frequentemente na forma de uma narração posterior relativamente a um percurso existencial, num ato de lembrança ou rememoriação de um indivíduo que se configura num "eu" de existência factual, responsável pelo reportar do vivido, do experienciado. Associam-se a géneros textuais de carácter intimista (do tipo diários, memórias, narrativas de viagens, roteiros de vida, autobiografias, cartas, autoretratos, relato de experiências...) sempre que se cumpre um pacto de identidade entre autor, sujeito de enunciação e personagem.


  

 (Recurso retirado do Manual Contextos 10ºano, edições ASA - adaptado)

Sem comentários:

Enviar um comentário